27 de maio de 2008

Prefiro Distampina

Estive ontem (26/05/2008) pela primeira vez em Itagibá, cidade que fica pertinho de Ipiaú que fica bem perto de minha cidade (70 Km - uma hora de carro mais ou menos). Nem ví muito a cidade, chegamos e fomos direto para a Prefeitura de lá a trabalho. Quando saí, rapidamente fui na praça e tirei esta foto da igreja católica de lá antes de ir embora. E estou postando aqui só pra deixar registrado mesmo.




Descobri nesta viagem que Itagibá está fazendo 50 anos de emancipação neste ano, que Itagibá era para ser com J - Itajibá e não Itagibá - e acabou ficando com G porque na hora de registrar, erraram. Já tinha visto isso acontecer com gente. Não com cidade. Soube também que a população de lá é de pouco mais de 15 mil habitantes. Quando ainda era vila se chamava Distampina e foi distrito de Boa Nova, depois de Itacaré, depois de Ubaitaba e novamente de Boa Nova... nunca tinha visto uma cidade mudar de cidade-mãe assim. Enquanto Estampina, Itagibá era uma vila pacata e habitada por cangaceiros - que só se foram com o fim do cangaço em 1930. Quer saber mais? Vá na página de Itagibá na Wikipédia.

O que me faz pensar. Quantas cidades - pequenas ou grandes - temos circundando nossas cidades e nunca perdemos um tempinho para ir conhecê-las. Poucas pessoas visitam as cidades vizinhas. E as que o fazem descobrem coisas, pessoas, aumentam suas conexões, fazem negócios, geram riqueza e fazem o dinheiro circular. Isso é muito bom. Não é bom ter preconceitos para com estas pequenas cidades. Lá pode estar guardado algo que irá contribuir com o teu futuro que você nem imagina. Ou não... quem sabe?

Nenhum comentário:

Os comentários aqui postados podem ser citados desde que se mencione junto o autor - no caso eu - e se coloque junto um link para este site ou o permalink para a página de postagem correspondente.