31 de dezembro de 2007

E chega ao fim 2007? Ainda não...

Não fosse meu pai internado numa UTI eu só teria o que comemorar deste ano... queria fazer uma bela retrospectiva mas não consigo... mas é isso! Nem sempre podemos apenas comemorar né? É a vida! Mas ainda assim continuo otimista com tudo! Com a vida - a minha e a dele também - e com o próximo ano. Meu pai vai sair dessa! Aí sim venho aqui e desabafo! Até lá 2007 vai ficar meio que inacabado...

Continuem a orar por ele!

30 de dezembro de 2007

O Tempo de Caetano (O Tempo 15)

Oração ao Tempo

És um senhor tão bonito
Quanto a cara do meu filho
Tempo tempo tempo tempo
Vou te fazer um pedido
Tempo tempo tempo tempo...

Compositor de destinos
Tambor de todos os rítmos
Tempo tempo tempo tempo
Entro num acordo contigo
Tempo tempo tempo tempo...

Por seres tão inventivo
E pareceres contínuo
Tempo tempo tempo tempo
És um dos deuses mais lindos
Tempo tempo tempo tempo...

Que sejas ainda mais vivo
No som do meu estribilho
Tempo tempo tempo tempo
Ouve bem o que te digo
Tempo tempo tempo tempo...

Peço-te o prazer legítimo
E o movimento preciso
Tempo tempo tempo tempo
Quando o tempo for propício
Tempo tempo tempo tempo...

De modo que o meu espírito
Ganhe um brilho definido
Tempo tempo tempo tempo
E eu espalhe benefícios
Tempo tempo tempo tempo...

O que usaremos prá isso
Fica guardado em sigilo
Tempo tempo tempo tempo
Apenas contigo e comigo
Tempo tempo tempo tempo...

E quando eu tiver saído
Para fora do teu círculo
Tempo tempo tempo tempo
Não serei nem terás sido
Tempo tempo tempo tempo...

Ainda assim acredito
Ser possível reunirmo-nos
Tempo tempo tempo tempo
Num outro nível de vínculo
Tempo tempo tempo tempo...

Portanto peço-te aquilo
E te ofereço elogios
Tempo tempo tempo tempo
Nas rimas do meu estilo
Tempo tempo tempo tempo...

Caetano Veloso

29 de dezembro de 2007

Filmes, filmes e filmes...

Tenho aproveitado este finzinho de ano para assistir alguns filmes. Hábito que gosto muito mas que praticamente havia abandonado por causa da enorme quantidade de afazeres acomulados neste ano. Cheguei a assistir 3 filmes seguidos parando apenas para uma água ou um lanche... tava sentindo falta... muito bom! Depois vou listar aqui os filmes que ando assistindo que valeram a pena... mas só os que valeram a pena... filme ruim aqui não tem vez...

28 de dezembro de 2007

Meu pai na UTI

Pessoal... peço que orem por meu pai que não está muito bem. Nesta manhã ele deu entrada na UTI do Hospital São Jorge em Ilhéus com suspeita de infarto. As suspeitas não se confirmaram mas há ainda uma grande probabilidade de ser alguma inflamação hepática muito grave, uma hepatite ou algo assim. Sendo assim ele irá permanecer naquela UTI até a quarta feira, dia 2 de janeiro, onde passará por uma bateria completa de exames (eletros, tomografias, etc.) pra se confirmar finalmente um diagnóstico mais exato de qual é o problema. Apesar de estar na UTI ele está bem, não sente dor e quer sair de lá de qualquer jeito. Minha mãe e minha irmã estão lá acompanhando tudo. Também vou com meu irmão pra ajudar no que for possível. Fora isto é só aguardar o resultado dos exames no dia 3 de janeiro pra ter uma idéia do quadro real dele. Até lá peço oração de todos.

27 de dezembro de 2007

Metamorfose

Metamorfose

Olhar bem dentro do azul
e ver a morte da borboleta
libertar o amarelo.

Acordar verde,
talo de capim do derradeiro
sonho da lagarta.

José Inácio Vieira de Melo

26 de dezembro de 2007

Waly e a poesia...

já não me habita mais nenhuma utopia. animal em extinção,
quero praticar poesia
- a menos culpada de todas as ocupações.

Waly Salomão, poeta jequieense

Technorati : , ,

25 de dezembro de 2007

É tempo (O Tempo 14)

É tempo de paz
De Luz para os homens
É dia pão na mesa
Dia de iguais
Agraciados na fé
Em quem veio por nós
É tempo de gradidão
Ao Amor Incondicional
Que nos devolveu à Vida
É dia de reconciliar
Sem medos, sem mágoas
É tempo de alegria
Renovação e amor
É dia de celebrar
A vida enquanto
É tempo

24 de dezembro de 2007

Feliz Natal pessoal...


A todos que acompanham meu blog eu desejo que esta noite seja repleta de comunhão em família. Que esperanças sejam renovadas na Graça de Cristo. Um beijo e um abraço a todos. Fiquem na paz!

21 de dezembro de 2007

4 anos de Blog


Dia 21 de dezembro de 2003 te tanto ouvir falar em blog, eu criei uma conta no Blog do Terra e fiz meu primeiro post (quando enchi o saco daquele gerenciador de blogs terrível do terra "me mudei" pra cá e trouxe todos os meus posts junto, a conta lá do Terra eu excluí) pra testar aquilo. O que eu entendia por blog era "diário online feito por patricinhas desocupadas que escreviam alí tudo que faziam" ou "lugar para escrever poemas e textinhos de auto-ajuda", era preconceito - claro. Mas entre dizer o que eu fazia todo dia e escrever meus poemas escolhi a segunda opção já que não havia muito o que dizer dos meus dias e eu tinha poemas prontos que podia publicar ali e gostava e queria muito escrever mais e aquilo poderia ser algum tipo de incentivo. Pois bem...

Minha vida mudou muito desde aquele post até este aqui...
  • Tinha 29 anos... hoje tenho 33
  • Era casado... hoje sou separado e namoro
  • Minha filha tinha 1 ano e meio... hoje tem 5 e meio
  • Apenas sonhava um dia em fazer algum vestibular... acabo de me formar em Gestão de Marketing
  • Tinha largado completamente a música... estou em estúdio gravando e já começo a voltar a compor
  • Trabalhava com Sistemas de Gestão... hoje sou Webdesigner
Hoje - 280 posts e 1461 dias depois - eu só tenho o que comemorar. Este blog fez parte ativa dessa minha trajetória de evolução. Perdi o preconceito quanto ao diário online e desabafei muitas por aqui. Aliás... o que eu me livrei de preconceitos depois de me inserir na blogosfera não está escrito... Escrevi várias poesias e as publiquei por aqui. Também publiquei muitas das minhas canções que fiz. Meus temas recorrentes sobre o tempo... a vida e a sua fugacidade... as vezes digo coisas aqui que só eu entendo e sei que todo mundo fica voando. Enfim...

Só tenho o que agradecer a Deus por tudo que me aconteceu e por ter chegado aqui. E tenho novidades pra anunciar por conta do nosso 4º aniversário. Este blog vai ganhar em breve um domínio próprio e vai deixar o Blogspot. A partir de janeiro de 2008 irei migrar para o WordPress em um endereço próprio onde terei maior liberdade para personalizá-lo e fazê-lo melhor. Aguardem que em 2008 teremos bastante novidades.

Também quero agradecer aos meus 12 fiéis leitores (digo 12 porque são os que assinam meu feed). Não sem quem são todos mas agradeço de coração... muito obrigado por me aturarem! Vocês são heróis!

20 de dezembro de 2007

Porque escrevo?

Eu escrevo sem esperança de que o que eu escrevo altere qualquer coisa. Não altera em nada... Porque no fundo a gente não está querendo alterar as coisas. A gente está querendo desabrochar de um modo ou de outro...

Clarice Lispector

19 de dezembro de 2007

Kingdom of Heaven

Que homem é um homem que não torna o mundo um lugar melhor?

Frase entalhada na viga do ferreiro no filme Cruzada de Ridley Scott

18 de dezembro de 2007

O Tempo 13

VIDA

A vida são deveres que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são 6 horas há tempo...
Quando se vê, já é 6ª feira...
Quando se vê, passaram 60 anos!
Agora, é tarde demais para ser reprovado...
Se me dessem um dia outra oportunidade, eu nem olhava no relógio, seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas.

Mário Quintana

17 de dezembro de 2007

Excessos

Não sejas excessivamente nada...
Nada em excesso faz bem...
Não sejas excessivamente bom para que não te enredes em tua própria bondade, e, assim, te corrompas na presunção de tuas próprias leis de nobreza e misericórdia.
Não sejas excessivamente justo para que a tua justiça não se torne em perversidade.
Não tentes ser amor, mas apenas ama. Somente Deus é amor.
Nós não sabemos como é ser amor.
Não sejas completamente inclusivo, pois, assim, perderias o teu caráter.
Não sejas completamente exclusivo, pois, assim, perderias a tua alma e
tornar-te-í-as empedrado.
Um santo tem que antes ser um bom pecador.
E o caminho para a santidade é a vereda do reconhecimento do pecado.
Não busques nem as alturas e nem os abismos. Se tu chegares num desses pólos... que tenhas sido apenas levado pela vida, não por ti mesmo.
Antes, busca o caminho do equilíbrio e a vereda plana.
Todo excesso destrói o ser!

Caio Fábio


Esta eu ví aqui!

16 de dezembro de 2007

Pô... queria mais!



Acabo de voltar do show de lançamento do CD "Missão Integral" de Endres Netto. Foi muito bom. Tão bom que eu queria mais... como disse antes... não achei nenhum filho de Deus que soubesse tirar foto direito, essa aí abaixo foi a melhor que consegui. Vou esperar pra ver se consigo na mão do fotógrafo de Netto. Quando pude, tirei algumas fotos legais. Vou colocar umas 3 aqui pra quem quiser ter uma idéia de como foi.



Apesar da chuva que caiu antes e amendontrou o povo (muita gente não foi com medo da chuva que não veio, ainda bem) até que foi bastante gente. O Adson - pra variar - botou pra quebrar na guitarra e junto com sua banda fizeram todo o instrumental ao vivo. Ficou muito bom. Na gravação - no ano passado - ninguém podia se soltar ou falar, nada. Era tudo muito sério, claro! Mas hoje foi uma verdadeira confraternização.



Junto comigo lá no coral ficaram Wando, Juliano, Oziel, Marcio, Agton e uma galera das antigas e a brincadeira e a celebração rolaram soltas. Todo mundo pulava tanto que pensei que o tablado ia cair com a gente de lá de cima.



No final, depois dos agradecimentos a todas as empresas que ajudaram a realizar aquele evento, Endres Neto fez algo que nunca tinha visto antes: Disse em alto e bom som pra todos ali presentes que o prefeito havia sido inflexível e insensível, não colaborou com nada, que era uma vergonha. Por fim apelou para todos ali que lembrassem disso nas próximas eleições e respondessem nas urnas. Eu fiquei arrepiado! Puxei as palmas! E foram muitas palmas!!! Mas aqui não é lugar de falar disso. Falo disso outra hora no Cidade Sombra...



E meu solo? Ficou bom! Apesar de eu ter dado uma de Romário e não ter ido a nenhum ensaio... como diz o baixinho... "- Treinar pra que, parceiro?"

15 de dezembro de 2007

Indo cantar no Show...


Tô indo pro show! Nunca cantei pra tanta gente! É só uma participação mas estou bastante nervoso! Me desejem sorte! Se conseguir um abençoado que consiga tirar uma foto boa, depois trago uma foto pelo menos pra colocar aqui! O show promete, o Endres Netto não poupou grana pra trazer tudo do bom e do melhor do palco a iluminação. Formou pra chover, trovejou e tudo, até choveu um pouquinho... só espero que não chova na hora... É agora! Fui!

10 de dezembro de 2007

Criatividade e Tecnologia

Márcio me mandou isto e eu fiquei simplesmente maravilhado. Apenas uma voz e alguns aparelhos podem criar algo incrível como isso. É lindo! Eu vou aprender a fazer isso um dia! Ah vou!


8 de dezembro de 2007

Derretendo II


Lá estava eu em Valença naquele calor com saudade do calor de Jequié... eis que estou em Jequié sem um pingo de saudade do calor de Valença ou do de Jequié e com saudade de Aspen no Colorado... mesmo sem nunca ter ido lá...

Jequié tá cada vez mais quente e eu estou cada vez mais derretendo neste calor. Não consigo nem pensar direito querem ver? 1 + 1 = ... 3?

3 de dezembro de 2007

Derretendo



Um imprevisto me fez ter que vir a Valença novamente e cá estou eu neste calor icomensurável sendo provado pelo fogo. Havia prometido que só viria aqui de novo no inverno. Como tive que vir aqui de novo a visita do inverno fica então automaticamente adiada para o inverno de 2010. Não... 2009... sei lá... não consigo pensar direito!

A Modéstia de Confúcio

O maior prazer de um homem inteligente é bancar o idiota diante do idiota que quer bancar o inteligente.

Confúcio - Pensador chinês que viveu entre 551 a.C. e 479 a.C.

2 de dezembro de 2007

Protesto legal no Altas Horas

Tava assistindo agorinha o Altas Horas, programa do Serginho Groisman na Globo - que forma dupla com o Programa do Jô como sendo as únicas coisas que prestam naquela emissora - e na hora de um quadro chamado "Púlpito" - onde os que lá estão na platéia são convidados a protestar contra algo - um carinha chegou e mandou ver: - Eu protesto porque o Altas Horas não traz nem nunca trouxe nenhuma banda evangélica pra tocar aqui!!! - E a galera aplaudiu pra caramba! Já o Serginho ficou meio bobão sem saber o que dizer e nada disse. Ficou por isso mesmo!

Eu entendo essa separação que existe - no Brasil - entre a música e as artes cristãs da música e das artes não cristãs como algo criado pelos próprios cristãos. O cristão se acha melhor que os outros porque "ser salvo" o torna superior. E como ser salvo significa ser santo e "santo" significa separado. Voilá! Acabaram criando um clubinho onde se separam do resto do mundo. E o que não é do clubinho deles é do mundo! É "mundando"! Isso acaba fazendo com que ele caia na vala comum onde estão os nazistas, os católicos medievais, os brancos, os muçulmanos radicais e até os intelectuais... e o resultado disso é sempre algum tipo de violência. Seja ela física, segregacionista ou seja lá o que de ruim decorra disso. E a história está repleta de casos assim. Primeiro um grupo que "se acha" se separa dos "inferiores" e ficam por ali até serem maioria, e quando isso acontece o próximo passo é que eles não descansam até que eliminem os inferiores. Felizmente não lembro de terem conseguido.

Eu penso que não deveria haver esta separação. Que arte é arte, música é música independente dela ser cristã ou não. Quanto a determinado artista "louvar" o candomblé é problema dele. Ele escolhe louvar a quem quiser ou a ninguém. E você escolhe se vai ouvir aquilo ou não. Assim como um artista cristão também pode falar de Cristo em suas canções ou não. Se ele escolher falar de amor ou de natureza é bom também. É arte! Ele não é obrigado - por ser cristão - a cantar somente canções espirituais (?) ou seja lá o que isso signifique.

Há uma intolerância enorme a isto na igreja. Preconceito mesmo. Se um músico toca em uma banda no carnaval aqui da Bahia a igreja o condena a cruz e o prega lá com uma caixa tachinhas. Ninguém pensa que ele estava lá a trabalho porque tem uma familia pra sustentar. O estranho é que ninguém fala do médico crente que durante a noite teve que atender uma "mãe de santo" ou um padre no pronto-socorro do hospital. Se forem exigir tratamento igual o médico cristão deveria também perguntar a cada paciente seu sua religião e só atender os evangélicos. O crente que é dono da padaria também. Devia colocar uma placa na frente do estabelecimento: "Só atendemos evangélicos! Por favor não insistam!".

Por outro lado também - pelo menos em nossas igrejas aqui na Bahia - nossas igrejas não remuneram os músicos e os artistas. Nem os consideram artistas. Para a igreja músico não é profissão. O bom músico de igreja deve ter outro emprego. Na minha por exemplo: eu sou programador e tem lá um enfermeiro que toca piano, um contador que é baixista, um motorista que é baterista, e por aí vai. Não remuneram mas... ai de qualquer um deles se cair nos ouvidos de qualquer membro da igreja que fulano foi visto tocando num barzinho ou num trio elétrico.

Mas aonde eu quero chegar? O que tem tudo isso a ver com o caso do Altas Horas e do protesto do garoto? É simples: Se nós mesmos, cristãos, não valorizamos nossos artistas, sejam eles músicos, atores, dançarinos, poetas, escritores, cantores... porque ráios a TV e a mídia em geral vão dar valor? Se nós mesmos - os cristãos - não sabemos quem são nossos artistas direito. Você conhece algum romancista cristão? Um poeta? Um ator? Nada? Acho que é essa a nossa diferença para os cristãos norte-americanos. Parece (não sei ao certo) que eles valorizam a arte como arte. E não como arte cristã ou arte não-cristã!

E é exatamente aí que quero chegar! Devemos sim valorizar nossos artistas cristãos mas como artistas que são e não apenas porque são cristãos. Não é comprar aquele CD "pra ajudar" apenas porque o sujeito se diz cristão. Compre porque é bom e porque você gosta. Independente dele ser ou não cristão. Mas! E aí está a diferença! Se ele for cristão e for bom! VIVA!!! Aí sim! É a glória! Merece até ir no Altas Horas do Serginho na Globo.

30 de novembro de 2007

Árabes, Sodoma e Gomorra (sobre Gênesis de 16 a 20)

Continuando meus comentários sobre destaques da leitura que venho fazendo da Bíblia... (não vou me desculpar pela demora desta vez porque parece que cada vez que me desculpo pela demora eu demoro cada vez mais). Portanto vamos lá:

Para Iniciar

Antes de iniciar preciso dizer que temos que analizar os fatos ocorridos sobretudo no Velho Testamento pela ótica da cultura civilizatória de um povo - e não falo do povo de Israel porque o próprio Israel nem havia nascido ainda - muito antigo e que não era regido por lei alguma ainda. Muita gente quer pegar acontecimentos narrados na Bíblia e apenas utilizar em nossos dias sem levar em conta a contextualização cultural tanto deles que viveram tais fatos quanto a nossa onde tais fatos seriam facilmente enquadrados até como crime. E não é porque tá na Bíblia que tais fatos sejam corretos hoje. Bom... vamos em frente...

A Origem dos Árabes

Vemos logo no início do capítulo 16 o "sofrimento" de Abraão com relação a Sara, que era estéril. Digo sofrimento ironizando, é claro, porque pra aplacar esta... dor, ela lhe deu a sua empregada - que se chamava Agar - pra ele tentar filhos com ela também. Claro que devemos olhar pela ótica cultural daquele tempo, onde uma mulher que não podia ter filhos era considerada inútil e era motivo de vergonha para todos inclusive - e principalmente - por ela mesma. Nisso o Abraão acaba "se dando bem", aí mais uma vez pela nossa ótica cultural e não pela dele, que considerava isto algo super natural. E a Agar acaba naturalmente engravidando de Abraão.

Mas aí a Agar pisa na bola porque acaba se achando superior a Sara - e neste quesito realmente era - e despreza sua patroa. Sara se sente ameaçada e querendo que o marido faça alguma coisa para resolver isto o coloca na parede. - Ou eu ou ela! - Mas ele como não era bobo e não queria problemas com a patroa, diz: - Você resolve! - Era tudo que Sara queria ouvir naquela hora. A Bíblia diz numa tradução que sara "afligiu" a Agar já em outra - mais antiga - diz em bom português que sara maltratou mesmo. E maltratou tanto que Agar não aguentou e fugiu.

Mas Deus havia prometido a Abraão que protegeria toda sua decendência sobre a terra. E já que Agar carregava na barriga um filho de Abraão, Deus mandou um anjo para conversar com Agar e convencê-la a voltar para casa. Já que não teria muita chance de sobreviver sozinha naquele deserto. E o anjo a convence a voltar e a se humilhar perante Sara. Diz também que seu filho deveria ser chamado de Ismael e ele seria pai de um povo muito numeroso sobre a terra. E seria valente como um "jumento selvagem". E ela então voltou e logo depois teve Ismael.

Ismael foi o pai do povo ismaelita, que são os árabes e os muçulmanos de hoje em dia. Até hoje eles brigam com os judeus pela posse da terra santa - Jerusalém - por se acharem os dois no direito daquele lugar. Isso talvez deva nos servir de lição, porque uma guerra que hoje consome centenas de vidas diariamente - com os palestinos-árabes-muçulmanos seus homens-bomba e os israelitas com seus exércitos poderosíssimos - no oriente médio e em Israel e na Palestina tem a sua origem numa briga entre "cumadres" há cerca de 5000 anos atráz.

A Circuncisão

Neste capítulo (o 17) Deus faz um pacto, uma aliança perpétua com Abrão e sua descendência, muda seu nome para Abraão, promete que ele será o pai de muitas nações mas exige algumas contrapartidas. Dentre elas que todo homem a partir dele seja circuncidado - cortar aquela pelezinha que fica em volta do pênis, isso mesmo, só de pensar dói - todo mundo, qualquer filho de 8 dias tinha que cair na faca, os escravos. E quem não fosse circuncidado seria chamado de incircunciso e seria expúlso. E fez mais: também mudou o nome de Sarai para Sara e prometeu que ela - que até então era estéril - teria um filho.

E então vemos aqui uma demonstração da intimidade que Abraão tinha com Deus. Quando Deus disse que sara teria um filho, Abraão baixou a cabeça e começou a rir. E pensou: "Como eu que tenho 100 anos vou ter um filho? Imagine Sara que já tem 90? Tomara que pelo menos Ismael viva!". Deus retrucou e disse que ele iria ter um filho sim, e seria chamado Isaque e a aliança seria feita pela descendência de Isaque. Mas que Ismael - que nesta altura já estava com 13 anos - também seria pai de uma grande nação. Mas o negócio era com Isaque.

Essa parte deve ter doído muito. Assim que acabou a conversa com Deus. Abraão pegou todos os homens de sua casa - Ismael, escravos, todos - e os circuncidou, inclusive a sí próprio. Nossa!

Seria a Trindade?

Este início do capítulo 18 versículos 1 e 2 sempre me intrigou. Ali diz que apareceu o Senhor a Abraão mas quando ele levanta os olhos, ele vê três homens em pé junto a ele. Seria aí a trindade: Deus, Jesus e o Espírito Santo? Aqui não diz se são anjos mas também não diz quem são os três homens e apenas os chama de "o Senhor" durante todo o capítulo. É muito interessante a maneira como este fato é retratado aqui. Mas pra frente dois deles vão para Sodoma e apenas lá é que é dito que são anjos... se bem que isto não fica muito claro. De qualquer forma é muito interessante tudo isso.

E mais interessante ainda é Abraão que trata o Senhor - os três homens - como homens mesmo. Lava os pés deles, traz pão, pede a Sara para fazer bolo, manda o criado matar e preparar um bezerro, traz manteiga, queijo fresco, leite, monta uma mesa pra eles e eles comem. Conversam com Abraão e com Sara. Quando Deus fala sobre o filho Isaque que virá através de Sara. Sara - que nem menstruava mais - rí daquilo como se fosse uma piada. Deus retruca e diz que é verdade. Ela diz que não riu com medo ou vergonha. E Deus diz: "Não diga isso! Você riu sim!". Embora a Bíblia não relate exatamente como foi, eu fico imaginando que foi uma tarde alegre onde conversaram e comeram e riram. Uma verdadeira comunhão entre o homem e Deus. Deve ter sido lindo.

A Destruição de Sodoma e Gomorra

Depois disso Deus sai para passear com Abraão e fala de Seus planos para destruir Sodoma e Gomorra. Estas cidades estavam encharcadas de pecado até a raiz da alma. Deus não aguentava mais ver aquilo e planejava destruir as cidades imediatamente. Mas Abraão indaga a Deus para que não destrua as cidades - sabendo ele que Ló seu sobrinho estava morando por lá. Deus não volta atráz da decisão de destruir as cidades mas decide avisar a Ló para que saia de lá antes que a cidade seja destruída.

Um dos principais motivos porque Sodoma e Gomorra devia ser destruída era claramente o homossexualismo (que devido à própria cidade de Sodoma é chamado até hoje de "sodomia") que praticamente foi inventado por lá. Segundo alguns historiadores naquelas cidades a homossexualidade era praticamente obrigatoria e quem não era adepto das práticas sodomitas tinha que pagar imposto. Haviam templos dedicados aos deuses homossexuais onde os jovens eram iniciados nas práticas pagãs da sodomia. Portanto a coisa lá era feia mesmo. Não se trata de homofobia porque por lá nem opção havia. Era a religião deles. Era a lei.

No capítulo 19 há até um fato que demonstra claramente como as coisas funcionavam por lá: Foi quando deus enviou dois anjos a Sodoma para fazer a vistoria final antes da destruição (ou para eles mesmos iniciarem a destruição, sei lá). Logo na porta da cidade Ló os avistou e os recebeu e os convidou para passar a noite em sua casa. E não é que os homens de sodoma viram aqueles dois homens "lindos e enormes" entrando na casa de Ló ficaram indignados porque Ló estava sendo muito "egoísta" e cercaram a casa dele. E eles literalmente dizem o seguinte conforme a Bíblia diz no versículo 5: - Onde estão os homens que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a nós, para que os conheçamos. - Não sei se vocês sabem ou não - talvez já tenha dito nas análises anteriores - mas, "conhecer" na Bíblia significa literalmente "fazer sexo". Daí dá para ter uma idéia que esse história de homossexualismo lá não era brincadeira.

Ló então saiu na porta e implorou para que não fizessem aquilo ao seus convidados. Chegou - inclusive - a oferecer duas filhas virgens para fazerem o que quisessem no lugar deles. E a resposta foi, literalmente: - "Sai daí!" - Transliterando para algo mais moderno, seria qualquer coisa como: - "Lá ele!" - Fica claro aqui que mulher não era bem a praia dos cidadãos "do sexo masculino" de Sodoma né? Mas claro que isso só com figurinhas. Resultado? Depois que Ló ofereceu as filhas eles ficaram loucos de raiva (não era pra menos) e começaram a arrombar a porta da casa de Ló. Queriam os anjos (não sabiam que eram anjos) a qualquer custo.

Daí em diante é iniciada a destruição das cidades. Os anjos falam para Ló tirarem imediatamente todos os seus parentes da cidade. Ló então vai na casa dos caras que seriam os genros, os que iriam casar com as tais duas filhas virgens. Mas os caras - que provavelmente iriam casar com elas só pela reprodução mesmo - riram de Ló. Ló então só conseguiu tirar da cidade com ajuda dos anjos apenas ele, a mulher e as duas filhas. E os anjos mandam que eles corram sem olhar para traz... mas a mulher de Ló - sabe-se lá porque raios - olhou para traz e foi transformada numa estátua de sal. Será que ela tinha um amante por lá? Será que tinha uma amante? Ou talvez apenas tenha sido movida pela curiosidade que matou o gato e a ela mesma... quem sabe?

Ló e suas duas filhas

Logo depois que Sodoma e Gomorra são destruidas e Ló e suas duas filhas estão sãos e salvos acontece, nos versículos de 30 a 38 do capítulo 19 algo meio que surreal mesmo para a cultura deles, imagine para a nossa: As duas filhas de Ló temendo que ele ficasse sem descendentes, já que a mãe havia virado estátua de sal e não havia homens - que seguissem os costumes deles - por perto, decidiram então dormir com o pai para terem filhos dele. E embebedam o pai e engravidam dele. Cada uma teve um filho do próprio pai. Coisa doida!

Abraão e seus velhos Hábitos

Parece que Abraão não aprende, por várias vezes ele chega em terras estranhas e fica com medo do povo daquela terra pegar a mulher dele e mente dizendo que ela é sua irmã. Aqui no capítulo 20 isso acontece de novo. E - de novo - Deus desce o castigo nos que tentam pegar a mulher dele. Foi assim no Egito e depois em outra terra que eu narrei numa das partes anteriores. Mas não era bem uma mentira total porque Abraão se aproveitava do fato de que realmente Sara era filha do pai dele mas não da mãe, e portanto Sara era, tecnicamente, meia-irmã de Abraão.

Desta vez ele tentou isso com o Rei Abimeleque. Só que o Rei Abimeleque era temente a Deus e um homem justo. E foi salvo pois Deus o revelou a historia toda. Se ele não entregasse Sara, além de morrer, todas as mulheres da sua casa ficariam estéreis. Foi realmente por pouco... bom... se bem que eu não sei direito o que o Rei Abimeleque faria com uma senhora de 90 anos. Talvez faltasse mulher por lá. Sei lá! Mas o fato é que, novamente, Abraão se dá bem nessa história toda porque Abimeleque, para se desculpar, deu ovelhas, vacas e escravos para Abraão. Parece que Isaque terá uma boa herança.

É proibido pensar!

O João Alexandre lançou um disco novo chamado "É Proibido Pensar", cuja música-título do trabalho tem uma letra apimentada que tem dado o que falar. O Orkut e suas comunidades estão fervilhando de discussões sobre esta canção. No Google o que tem de blogs falando disso não é brincadeira.

Até o programa do Nelson Bomilcar, o Sons do Coração, fez programa especial de lançamento do disco. A polêmica foi tanta que gerou centenas de comentários num vídeo que um blogueiro e editor amador de vídeos fez um clipe meio tosco e pôs no YouTube... e já teve até agora mais de 16 mil acessos.

Quero ver o que os movimentos "lembrados" por João em sua música vão dizer disso tudo... pelo que entendi estão acusando o João de tentar tulir a verdadeira adoração. Queria saber o que o João deve estar achando da polêmica toda também! Vamos ver no que vai dar isto tudo. É esperar pra ver.

Não vou repetir a letra e a música por aqui porque nem precisa... tem tanto blog que já fez que é mais fácil lincar...

[update]Acabei de ganhar o meu... valeu aí Adriano![/update]

28 de novembro de 2007

Este fim de ano corrido promete!

Acho que nunca vivi um final de ano tão corrido e movimentado como este. Estou tão atarefado e louco trabalhando pra cumprir os prazos que praticamente deixei o blog de lado. Sobrou muito pouco tempo para elaborar textos que valham a pena postar por aqui. Mas esta movimentação toda, prazos contando, pressão, trabalho alucinado... isso tudo me deixa extremamente alegre. É tão bom sentir essa adrenalina! Já havia me esquecido de como era bom!! Falar nisso preciso planejar um artigo com as metas para o próximo ano... fui!

14 de novembro de 2007

Terminando a Faculdade


Finalmente está acabando! Já fiz a monografia e praticamente finalizei o último semestre. Só faltam 3 aulas e as festas finais de formatura. Aí então terei um canudo nas mãos... só não sei ainda direito o que fazer com ele. Mas eu descubro.

12 de novembro de 2007

Tipão, o audaz!


Manuel, o audaz

Se eu já nem sei o meu nome
Se eu já nem sei parar
Viajar é mais, eu vejo mais
A rua, luz estrada pó
O Jeep amarelou
Manoel o Audaz, Manuel o Audaz, Manuel o Audaz
Vamos lá, viajar
E no ar livre, corpo livre
Aprender ou mais tentar
Manoel, o Audaz
Iremos tentar
Vamos aprender
Vamos lá...

(Toninho Horta e Fernando Brant)

5 de novembro de 2007

Conheci Valença



No início do mês viajei a trabalho para a cidade de Valença. O que era pra ser uma viagem de apenas um dia se transformou rapidamente em uma semana devido ao trabalho. Eu fui para fazer uma migração de dados de um sistema anterior que a empresa lá utilizava há um tempo para um novo sistema que iriamos implantar (o sistema era de Carlito da Litosoft). Acabou que o sistema a ser migrado era na verdade dois sistemas e o trabalho que parecia simples se mostrou muito mais complexo demandando dias de trabalho. Mas chega de falar de trabalho. Vamos falar da cidade.



Posso resumir Valença a uma palavra apenas: quente. Ô lugar que faz calor!!! E olha que eu moro em Jequié. Mas aqui em Jequié a sensação térmica é menor porque não é tão úmido quanto lá. É impressionante como aquele lugar é quente e úmido. Úmido e quente! Nossa! Mas esta é a parte ruim!



A parte boa é que Valença é uma cidade histórica. Cheia de casarões e sobrados. Não tem praia mas é banhada por um braço de mar. De Valença saem os barcos que vão para o Morro de São Paulo e outras tantas ilhas e locais exóticos que existem lá por perto. Mesmo a 15 kilometros de distância do mar, se beneficia muito dele.



Durante os poucos momentos de folga que tive, tentei ao maximo percorrer alguns pontos legais da cidade para fotografar. Tirei belas fotos, algumas delas estão aqui neste post.



Se pretendo visitar Valença de novo? Sim... quem sabe no inverno...

29 de outubro de 2007

Coisas de que tenho saudade

Adriano, em seu blog, lançou este meme para seus amigos... e cá venho eu dar minha humilde contribuição para enriquecer e registrar aquela época mágica que foi nossa adolescência:
  • comer romãs em Martinho Campos
  • brincar no rio de Medeiros Neto com Kiel
  • assistir o Incrível Hulk na TV preto e branco do vizinho em Ibirapuã
  • levar um ovo pra escola pra comer sonho na hora do recreio em Ibirapuã
  • ir buscar leite a pé na fazenda do Seu Leonel em Ibirapuã, passar pela casa de farinha e ficar vendo como se fazia
  • brincar no quintal da casa em Pedro Canário
  • ir ver meus avós em Pinheiros e passear na fazenda do vô Diolino
  • a comida de vó Jacinta
  • do pássaro preto de minha vó
  • do riacho da fazenda de meu avô
  • colecionar figurinhas do Zé Capixaba
  • meu amigo Domingos lá de Pedro Canário
  • filar aula no CEAMEV pra jogar bola na praia da Avenida Soares Lopes em Ilhéus
  • aulas de piano com Dona Balbina em Ilhéus
  • ir de Ilhéus a Olivença a pé pela praia
  • jogar arcade e pimball de ficha em Ilhéus
  • primeiro contato com um computador no stand da Cobra na Feira do Cacau de 1985 em Ilhéus
  • passar a tarde jogando Atari com os amigos
  • brigar com Miro Veloso no fundo da Igreja Batista Lindinópolis e deixar ele todo lapeado
  • brincar na construção do prédio ao lado da igreja e pular do segundo andar em cima de um monte de areia
  • assistir As Aventuras de Kaká, Tarzan, He-Man, Thundercats...
  • assistir com meu pai Star Wars IV, V e VI pela TV preto e branco lá de casa em Ilhéus
  • caçar calango com estilingue de elastico e balas de arame com Joel
  • ouvir Vento Livre a tarde toda na radiola National em Ilhéus
  • estudar no IERP na mesma sala que Cleyton, Marquinhos, Edilene, Rita, Vankleber, David e Lorena
  • Cleyton com um saco do Cardoso na cabeça fazendo a prova da professora Carminha
  • professora Carminha
  • professora Zelita
  • ir a Itapetinga ou a Vitória da Conquista ver meus avós paternos
  • dos doces de Vó Filinha
  • dos causos de pastor intinerante de meu avô Pacífico
  • a sorveteria de Tio Ezequiel
  • ler e colecionar gibis de forma... digamos... subversiva
  • da "redação" do jornalzinho O Adolescente
  • das viagens de férias em família na kombi da igreja
  • laboratório de fotografia amador no quintal
  • ensaios do grupo Alvorescer... e das brigas também... claro
  • aprender tocar violão
  • das gravações à tarde do Grupo Novas Criações na igreja
  • da turnê mundial do Novas Criações a Vitória da Conquista e a Cruz das Almas
  • passar a tarde toda digitando um programa em BASIC no TK90X e faltando 3 linhas ele resetar por causa da geladeira
  • Rir a tôa com os amigos
  • Descer a ladeira do viaduto numa única bicicleta sem freio... eu, Adriano, Cleyton e Jr. Boca
  • Assistir filme na casa de Romoaldo
  • assistir Luda devorando um Mistão sozinho em Waldir
  • assistir Luda devorando 1 pão de 1 quilo com 300 gramas de queijo, 300 gramas de presunto, 100 gramas de manteiga e 1 bule de 1 litro de café com leite...
  • assistir Luda devorar 2 Super GG e 1 litro de Coca-cola
  • lanchar na Biana com os amigos e depois colocar tudo na conta de Jr. Boca
  • os ensaios da Banda Reino na oficina de Gel
  • meu tecladinho Gianinni
  • meu violão Di Gioggio fino que foi cortado por Pê
  • do meu quarto na parte de baixo da minha casa
  • futucar os XTs da Digiprol de Welf e aprender programar pra PC
  • dos retiros malucos de carnaval que tinha até lobisomem
  • das Organizações Bago de Jaca (FM e TV)
  • entrar na igreja pelo vitrô pra tocar piano de madrugada
  • das tardes de feriado na piscina de Zé Biu com a galera
  • do Irmão Rosentino dizendo "Pastô falô que num pódi..."
  • das peças legais do Grupo URI
  • ganhar da Sião no Clube dos Bancários o Campeonato de Futsal no Cara ou Coroa
  • ir pra Linda Calçados quebrar as vitrines
  • do XT que peguei empresatado de Eduardo Camargo
  • curso de férias da Jocum em Camaragibe
  • passear de metrô em Recife
  • dormir na rede na Jocum de Camaragibe
  • do "dissilê dissilá dissilô" de Féu
  • assistir Galactica com meu pai
  • dos festivais Gospel Praise Festival I e II e SOS Ecologia
  • das ignorantadas de Luda
  • compor com Adriano no piano
  • do Conjubasul em Ubaitaba e dos dois em Jequié
  • dos ensaios do Novas Criações
  • da turma que filmou "O Sequestro de Abigail"
  • dos ensaios da peça da Semana Santa de Lelivaldo
  • "nóis os farizeus não sabes"
  • da galera da MR (Leal, Chupapéda, Nonato "Negão", David, Dayse, Skilo e Faiska)
  • meu primeiro PC 386 DX
  • dos sanduiches com salame da São José
  • sessões de gravação do disco de Cleyton no meu estúdio
  • da muqueca de camarão de Camamú
  • andar de barco de Camamú a Maraú
  • a vista do Pão de Açúcar
  • gravações das peças do URI na igreja ou no estúdio
  • cuidar de Giullia todo dia 5 da tarde na varanda
  • ensinar Windows 3.1 na Assiste
  • da galera da Agência 4
  • tocar "Canção de Pedro" pra Giullia cantar comigo
  • primeiros anos da TopWise

28 de outubro de 2007

Maravilhosa Cesária Évora



Adoro ouvir a Cesária Evora música desta lenda viva da música africana conhecida como a "diva dos pés descalços". Uma voz macia inconfundível que compõe e interpreta canções de seu pais natal, o Cabo Verde. Simplesmente lindo. Pode parecer muito mas isto não é chorinho mas parece tanto que eu diria que são irmãos separados na infância. O ritmo se chama "morna", e é um estilo muito tradicional nas ilhas de Cabo Verde. Também pode não parecer muito mas isto é em português... aí vai a letra:

Sodade

Quem mostra' bo
Ess caminho longe?
Quem mostra'bo
Ess caminho longe?

Ess caminho
Pa Sao Tomé

Sodade sodade
Sodade
Dess nha terra Sao Nicolau

Si bô 'screvê' me
'M ta 'screvê be
Si bô 'squecê me
'M ta 'squecê be

Até dia
Qui bô voltà

Sodade sodade
Sodade
Dess nha terra Sao Nicolau

Cesaria Evora


Dá uma saudade...

27 de outubro de 2007

Estratégias em um Novo Paradigma Globalizado

Percebemos, cada vez mais, que a consolidação das estruturas nos obriga à análise das posturas dos órgãos dirigentes com relação às suas atribuições. Todavia, a complexidade dos estudos efetuados estende o alcance e a importância das diversas correntes de pensamento. Por outro lado, a contínua expansão de nossa atividade exige a precisão e a definição do fluxo de informações. Gostaria de enfatizar que a expansão dos mercados mundiais afeta positivamente a correta previsão das condições financeiras e administrativas exigidas.

Pensando mais a longo prazo, o novo modelo estrutural aqui preconizado desafia a capacidade de equalização das regras de conduta normativas. A prática cotidiana prova que o desenvolvimento contínuo de distintas formas de atuação garante a contribuição de um grupo importante na determinação das direções preferenciais no sentido do progresso. Caros amigos, o consenso sobre a necessidade de qualificação oferece uma interessante oportunidade para verificação do impacto na agilidade decisória. Podemos já vislumbrar o modo pelo qual a determinação clara de objetivos possibilita uma melhor visão global do sistema de formação de quadros que corresponde às necessidades.

Do mesmo modo, o entendimento das metas propostas prepara-nos para enfrentar situações atípicas decorrentes dos índices pretendidos. O incentivo ao avanço tecnológico, assim como o comprometimento entre as equipes é uma das consequências das formas de ação. No mundo atual, a valorização de fatores subjetivos acarreta um processo de reformulação e modernização da gestão inovadora da qual fazemos parte.

A certificação de metodologias que nos auxiliam a lidar com a mobilidade dos capitais internacionais representa uma abertura para a melhoria das diretrizes de desenvolvimento para o futuro. Evidentemente, a necessidade de renovação processual ainda não demonstrou convincentemente que vai participar na mudança das condições inegavelmente apropriadas. O que temos que ter sempre em mente é que a hegemonia do ambiente político auxilia a preparação e a composição dos paradigmas corporativos.

Ainda assim, existem dúvidas a respeito de como a estrutura atual da organização faz parte de um processo de gerenciamento do investimento em reciclagem técnica. Assim mesmo, o aumento do diálogo entre os diferentes setores produtivos maximiza as possibilidades por conta do processo de comunicação como um todo. A nível organizacional, a constante divulgação das informações não pode mais se dissociar do orçamento setorial. É claro que a execução dos pontos do programa apresenta tendências no sentido de aprovar a manutenção dos modos de operação convencionais.

20 de outubro de 2007

A Ira, a Vingança e os Advogados

Hoje tive que me segurar muito pra não cometer uma besteira enorme. Por algumas horas senti ódio, ira, raiva... me fez pensar em cometer um monte de besteiras terríveis. Me fez querer voltar a ser o velho homem... foi por muito muito pouco! Consegui me livrar da ira... mas da vingança acho que nunca vou conseguir me livrar... até saborear este prato que se deve comer frio mas que todos dizem ter um sabor delicioso... mas não se preocupem que a vingança eu deixarei por conta do advogados...

25 de setembro de 2007

Acesso discado em 2007?

Fiz este post em 2005 falando da heresia que era - já naquela época, imagine hoje - o acesso discado. E não é que aquele meu cliente até hoje estava usando o mesmo bendito - e lento - modem para acessar a internet? Digo estava porque hoje estive lá e o tal modem havia queimado! Mas ele já está procurando outro pra comprar e - assim - substituir o falecido...

Segundo ele é pra receber fax no PC e ele vai adquirir banda larga ainda neste mês. Mas eu duvido muito...

O Tempo 12

"A gente é quem mata o tempo... mas é ele quem termina por nos enterrar..."
(Brás Cubas apud Machado de Assis)

22 de setembro de 2007

Copiar pra ouvir é Pirataria?

Se for levar ao pé da letra copiar uma música sem pagar pelo uso dela é ilegal. Mas não é pirataria. Pirataria é comercializar algo que não é produzido ou não é legalmente seu. Mas também é igualmente ilegal. Posto este conceito, acho que a pirataria deveria ser combatida e seus contraventores punidos. Mas o simples ato de ouvir uma música baixada na internet - que também é ilegal perante a lei - sendo que ninguém ganhou com aquela transação não considero que seja uma contravenção. E quem o faz não deveria ser punido e muito menos discriminado.

O princípio é simples... quem baixa pra ouvir apenas no computador geralmente não são pessoas que faziam parte do mercado e sairam dela pra usar pernas de pau e tapa-olho... é quem não tem dinheiro pra comprar! Vou pela idéia de quem tem dinheiro compra CDs. Quem curte MESMO uma banda ou um cantor gosta de ter seus discos e manter sua coleção. Gosta de manusear o encarte enquanto saboreia os primeiros momentos ouvindo um novo CD de seu "ídolo". Quem não faz isso e baixa um disco desse pode até se tornar - no futuro (porque geralmente são adolescentes e estudantes) - um consumidor em potencial. Digo isso porque quando era adolescente e não tinha grana - nem internet, claro (sou velho) - eu e meus amigos copiávamos as músicas dos LPs dos outros em fitas K7 pra ouvir. E hoje eu compro tudo que eu gosto. Tinha coleção de LPs e comprei tudo novamente quando lançaram em CD.

Mas quem copia uma música sem pagar pelo direito de ouví-la está sim fazendo algo ilegal perante a lei, não dá pra negar. Mas aí é que está! O que precisa ser revisto é o atual sistema de direitos autorais. Com a revolução digital esta indústria de música parou no tempo e perdeu o bonde da história. Fica tentando punir quem faz download quando deveria estar tentando reinventar sua indústria ultrapassada e baseada em discos plástico.

Já há casos de empresas conseguindo se dar bem no novo paradigma, como a Apple por exemplo que vende - e vende muito - músicas, vídeos, clipes e filmes pelo seu site. No Brasil a Trama Virtual também tá fazendo um excelente trabalho. Mas é pouco.

Pra finalizar... sabe mesmo o que eu acho? Acho que baixar as músicas na internet sem pagar por isso só faz com que a indústria fonográfica ganhe. O DRM só atrapalha nesse lance todo. Se eles liberassem de vez e cobrassem isso de outras formas a coisa mudava. Faltam cabeças pensantes e que não vejam mais a música como produto físico (como antes... se vendia o LP/K7/CD/DVD e não as obras) e sim intelectual. Mas em breve veremos uma mudança neste paradigma! Assim espero eu!

16 de setembro de 2007

Os ideais e seus riscos!



Você já teve ideais que defendeu com unhas e dentes até perceber que estava "no barco errado"? Já se meteu em discussões acaloradas o melhor estilo "maria vai com as outras" em "cruzadas" contra isso ou a favor daquilo?

Lembro de ter acompanhado, por exemplo, Adriano e Cleyton - dois amigos meus - discutirem durante dias sobre livre arbitrio versus destino ou seja, o calvinismo versus arminianismo, ou seja, somos nós ou Deus quem define nosso caminho? Nossos atos definem nossa salvação ou Deus já escolheu quem será salvo? Eles discutiram isso durante muito tempo e nunca os ví chegarem a um acordo. Brigavam por ideias de dois caras que nem sei se chegaram a se conhecer.

Acho que o problema maior com os ideais é que nos envolvemos com paixão. A paixão leva ao ato por simples impulso. E depois vem o orgulho humano e nos envolve de vez. Quando menos percebemos estamos levantando a bandeira de algo que pode até ser perigoso. Não estou dizendo pra "não pegue a bandeira" e sim "veja em que barco entra". Nossa mente nos cega a ponto de nos fazer pensar que aquele é o barco certo. E você segue nele mesmo sem saber direito onde vai dar aquilo tudo. E sem mencionar o fato de que a paixão passa com o tempo. A paixão é um arroubo da juventude. A juventude nos faz apaixonar facilmente por ideais com a mesma facilidade com que nos faz trocar de ideais.

Os homens - naturalmente, instintivamente - tem a tendencia natural de seguir algum líder. Um homem sozinho tá tudo bem (e olhe lá). Mas se juntarem dois homens ou mais, pronto. Um vai querer liderar e os outros provavelmente serão liderados. O "líder" sempre é aquele mais esperto. Se ele for honesto, fará um bom trabalho, mas se não for, se não tiver ética, ele usará os liderados para seus interesses. Se houver dois homens num grupo com capacidade intelectual pra liderança não duvide que ali haverá uma cisão, quando não uma briga ou uma guerra. E os liderados irão seguir um ou outro e se defrontar com os "rivais". Isso é - claramente - a essência da política. Tem sido assim por toda a história da humanidade.

Um apêndice nesse assunto, já que mencionei a religião aí atráz... É meio assim com as religiões também. Quando o que era para ser objeto de tua religação com teu Deus se torna o objeto de contenda entre grupos por divergência de "posições funcionais" dentro daquele conceito todo. Se pode ou não pode isso ou aquilo - divisão. Se isso ou aquilo é de Deus ou do demo - divisão. Pensando no termo "religião", chegou a pensar que a tal "religação" não deve ser apenas entre o homem e o criador, mas também entre os homens e seus ideais. E o criador fica vendo essa balbúrdia de lá de cima enquanto rí e pensa: "- São só bebês! Meus filhinhos queridos!". Fim do apêndice.

Tenho medo de levantar bandeiras em nome de ideais. Há os grandes ideais. Isso não há dúvida. Mas também há ideais que vão mudando no decurso da vida. Até quem cria os ideais muda de idéia. E nós - mortais - que apenas os seguimos corremos o risco de estarmos sozinhos num barco em que o próprio capitão abandonou dizendo: "- Desculpe! Eu estava errado!"

12 de setembro de 2007

Ares Soteropolitanos

Já tem mais de 1 ano que não vou a Salvador. Pensei que nunca diria isto, já que eu sempre disse que não preciso de Salvador pra nada, mas sinto que estou precisando respirar daqueles ares novamente. Ver pessoas diferentes das que vejo todo santo dia por aqui. Viver numa cidade pequena reduz, prende, simplifica tudo também - é verdade - mas também faz com que me sinta meio que apertado aqui. Você sempre vê as mesmas pessoas quando passa na rua. Como se fosse aquela cidade cenográfica do filme "O Show de Truman". Será que Jequié é o meu "mundo de Truman" particular? É por isso que tenho que ir a Salvador. Para dar um pouco mais de trabalho aos "produtores"!! :)

2 de setembro de 2007

É Setembro

Sol de Primavera

"Quando entrar setembro, e a boa nova andar nos campos,
Quero ver brotar o perdão onde a gente plantou
Juntos outra vez.
Já sonhamos juntos, semeando as canções no vento.
Quero ver crescer nossa voz no que falta sonhar.
Já choramos muito, muitos se perderam no caminho
Mesmo assim não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer
Sol de primavera abre as janelas do meu peito
A lição sabemos de cor, só nos resta aprender"

Beto Guedes



Neste vídeo, um depoimento do Beto Guedes sobre nossos benevolentes governantes que vale até hoje. O agravante é que ele falou isto em cadeia nacional na extinta TV Manchete nos anos 80 em plena ditadura sob o risco de conseguir um passaporte para ver o sol nascer quadrado ou coisa bem pior. Falta isto hoje...



Eu acho que precisamos de pessoas que falem o que todos precisam e não querem ouvir. Precisamos de pessoas que deixem de passar a mão na cabeça. Chega de ser cordial o tempo todo até com quem nos rouba e nos engana... brasileiro é bonzinho demais... e bonzinho é o outro nome para otário!

20 de agosto de 2007

Amy Winehouse

Um dia destes Sérgio (faz logo essa página rapaz...) me manda uma canção pelo MSN dizendo que tava fazendo o maior sucesso lá pelas américas... e como o tipo de música que eu ouço raramente está em alguma parada de sucesso eu fiquei com um pé atraz mas aceitei... tava perdendo o que? Se não fosse boa eu apagava!

Quando ouvi, gostei muito do som, e imaginei logo - pela voz - que quem estava cantando era uma negra americana de uns 50 anos daquelas que cantam blues e jazz pelos states afora. Ouvi aquilo por um mês antes de tomar coragem de ouvir outras canções. Tava com medo daquela canção ser a única boa. Quando ouvi outras canções não achei nenhuma música ruim e pensei "Que danada essa véia! Que som legal. Quem será? Vou pesquisar na net!". E fui.

Quando pesquisei ví que tava redondamente enganado. Primeiro porque Amy Winehouse não era velha, tem apenas 23 anos. Segundo porque ela não é americana, é inglesa de Londres. Terceiro porque não era negra, era branca. Acho que nunca cometi tantos erros por preconceito de uma só vez. Impressionante! Mas nada disso importa! O que importa é que o som dela é impressionante! Totalmente vintage! Você se sente transportado pra 50 anos atraz... saca só:

Eu separei dois vídeos da mesma canção. Na primeira versão ela canta ao vivo acompanhada apenas de um violão. Só pra vocês sacarem como ela canta bem.



A segunda versão é o clip desta canção finalizada em estúdio. E é mais impressionante ainda porque o som que eles tiraram é fenomenal. Demais!!!!



Quem saca inglês vai achar que essa letra é um pouco pesada. E é! Essa canção fala que tentaram levar ela para um centro de recuperação (um SerLivre da vida) mas ela dizia "não, não, não" porque "o pai dela dizia que ela tava bem". Veja a tradução da canção toda aqui. Outro detalhe: todas as canções são composição dela e fala sempre da sua situação. Essa garota é um fenômeno. Se ela não morrer cedo por causa de drogas e alcool ela vai fazer muito sucesso.

Nunca pensei que ouviria música feita por pessoas com menos de 30 anos de idade...

Música boa!

16 de agosto de 2007

O Tempo 11

Mais uma do tempo...

Tempo

O melhor remédio, tempo.
A desculpa pelos erros cometidos, tempo.
A demora de chegar, tempo.
De solidão pela perda de alguém, tempo.
De alegria para o encontro, tempo.
De tristeza pela perda do pai, tempo.
Saudade quando se está longe, tempo.
De espera por alguém, tempo.
De conquista da amizade, tempo.
Para isso ou para aquilo, tempo.
De dizer sim ou não, tempo.
De dúvidas quando ficamos sem respostas, tempo.
De violência e perda de juízo, tempo.
De perdão buscado no PAI, tempo.
De pensar quando se está preso, tempo.
Tempo.
Divino onde há salvação.

Carlos Alberto do Nascimento - Interno do Presídio Estadual de Cachoeira do Sul

15 de agosto de 2007

O Tempo 10

Tempo

Tudo no mundo
A mão do tempo é quem deu
E o que o tempo moeu
A mó do tempo é quem dá
Bom tempo é estar no tempo
Com tempo pra imaginar.

Siba (CD Floresta do Samba)

14 de agosto de 2007

Que o Samba esteja com você!

Gosto muito de samba e gosto muito de Star Wars. Daí a encontrar um vídeo que use estes dois temas é pedir demais. Não sei como achei isto no YouTube. Gostei muito. Parabéns para os caras da "3D Mentes" é uma bela dupla homenagem...



A canção é de Nelson Cavaquinho! E o detalhe do sabre de luz na mesa é perfeito...

23 de julho de 2007

Gravando...


Durante esta semana já iniciamos 3 canções do CD Infantil. Nesta foto aí estou eu lá no Martany Music transcrevendo uma cifra para o Márcio interpretar no teclado. A coisa tá fluindo muito bem porque eu e o Márcio temos uma ótima sintonia em estúdio. Os arranjos estão ficando muito legais. Pena que ainda não é possível mostrar ainda...

17 de julho de 2007

Share This

Um ditado... (O Tempo 9)

Encontrei aqui um ditado que tem tudo a ver com este blog...
Você nasce sem pedir e morre sem querer. Aproveite o intervalo!

16 de julho de 2007

Finalmente em Estúdio

Daqui a pouco estarei indo pro estúdio Martany Music iniciar a gravação do meu primeiro CD. Na verdade serão dois mas... isso eu explico depois! Estou indo com a cabeça muito legal e depois de meses de preparação, escolha de repertórios e ensaios ao piano e ao violão sozinho em casa. Meu desejo é que estes dois trabalhos superem as minhas expectativas.

E tudo indica que isto irá acontecer! O Marcio (dono do Martany) é um cara retado! A minha idéia é fazer um trabalho bem brasileiro! Música de qualidade pra qualquer um ouvir e gostar! Torçam por mim e pelo sucesso deste empreendimento!! Quem puder orar que o faça! Eu ficaria muito grato! Me desejem sorte!!!

9 de julho de 2007

A Semente de Israel (sobre Genesis de 11 a 15)

Continuando meus comentários sobre destaques da leitura que venho fazendo da Bíblia... (desculpem a demora... o texto estava pronto desde antes da minha viagem pra CBBa mas faltavam alguns retoques).

A Torre de Babel
Quando era pequeno fui ensinado que a Torre de Babel era uma construção que visava proteger o povo de um futuro eventual novo dilúvio. Porque aquele povo não acreditava na promessa de Deus de não mais repetir aquilo... Me lembro até hoje de histórias em quadrinhos, LPs com a dramatização e tudo... agora lendo este texto sinto que não era bem essa a idéia da torre... quando a gente é pequeno nos contam cada coisa... Em Gênesis 11:4 diz que a intenção na verdade era que a torre seria o grande centro de uma cidade feita para que o povo não se espalhasse pela terra.

Abraão no Egito
Em Gênesis 12:11-20, Abraão (que então ainda se chamava Abrão, mas deixa eu escrever Abraão pra não confundir) com medo do faraó o matar pra ficar com a sua mulher finge ser seu irmão. E quando faraó descobre, prova pra Abraão que não se deve julgar sobretudo quando se trata de culturas distintas... um egípcio jamais iria tomar uma mulher de alguém. E pra se desculpar ainda encheu Abraão de riquezas... até que calhou bem. Eu fico impressionado com o despreendimento de Abraão e da sua ligação com Deus a ponto de poder ouví-Lo e - é claro - obedecê-Lo. Acho que o fato de poder ouví-Lo facilita um pouco as coisas. Se eu pudesse ouvir Deus claramente como Abraão eu também obedeceria cegamente. Não é crítica... é inveja mesmo!

A divisão entre Abraão e Ló
Os dois foram ficando tão ricos que acabou que a terra já não dava pra ficarem juntos e as brigas começaram... e acabaram se separando (Gênesis 13:6-13). O Interessante neste capítulo é que Abraão pediu pra Ló escolher que terra queria... e ele ficaria com a preterida... isso prova o amor que Abraão tinha para com seu sobrinho. E Ló - é claro - escolheu a melhor terra... mas só que havia um pequeno inconveniênte lá... era perto de Sodoma e Gomorra... tudo - toda escolha - tem um preço! Desconfie quando algo é bom demais!

A promessa de Deus a Abraão e o embrião de Israel
È nesta parte (Gênesis 13:14-17) da Bíblia que é criado o povo de Israel... a partir da descendência de Abraão... que ironicamente não podia ter filhos mas que mesmo assim Deus prometeu que a sua descendência seria como a areia do mar e as estrelas do céu... infinitamente incontável...

Os 318 homens de Abraão
Só uma curiosidade. Em Gênesis 14:14, Abraão reúne seus homens para fazer uma perseguição para soltar Ló que fora sequestrado por reis que estavam em guerra lá pelas terras de Sodoma (olha aí o preço começando a aparecer para Ló... mas é só o começo... vem mais!). E eram 318 homens. Será que é deste texto que a Igreja Universal se inspira para fazer a tal reunião dos 318 homens de Deus? Vai saber...

A Promessa de um Filho
Em Gênesis 15:2-4, Deus promete um filho legítimo a Abraão, que até então não podia ter filhos e pensava que seu herdeiro seria o seu mordômo, o damasceno Eliézer. Então ali Deus reitera com Abraão sua promessa de que ele era a semente de Seu povo.

O Futuro
Nos versículos 13 e 14, Deus ainda revela que o povo de Israel sofreria em terras alheias por 400 anos em regime de escravidão mas que depois sairia de lá com muitas riquezas. Daí a dimensão da intimidade de Deus com Abraão. O amor e a relação de confiança que um ser divino e onipotente tem por um humano pecador insignificante. Isto é lindo!

8 de julho de 2007

4º Desafio do Escriba Café

Tentei solucionar hoje o novo desafio do Escriba Café e cheguei a conseguir (foi mais fácil que o segundo) mas não rápido o suficiente. Eu ganhei o segundo desafio - que me rendeu como prêmio o livro do Cristian Gurtner, que lí e recomendo - mas parece que desta vez conseguiram chegar antes de mim... que pena... perdi uma pen-drive.

7 de julho de 2007

Dia 7 do Mês 7 do Ano 7

Achei interessante anotar aqui esta data muito particular e interessante! Sete de julho de 2007 ou 7/7/7. O 7 é um número muito interessente!

5 de julho de 2007

Jorge e o U2

Cheguei cedo aqui hoje e logo de cara recebi algo muito legal que me fez querer compartilhar com vocês. O Jorge Camargo cantando "I still haven't found what I'm looking for" do U2... Pra quem não sabe. foi o Jorge Camargo quem traduziu para português o livro "Walk On - A Jornada Espiritual do U2" pela W4 Editora do Whaner, a mesma que patrocinou o evento onde ele aparece neste vídeo cantando. A W4 inclusive tem um Podcast. Bom, chega! Nem é preciso dizer mais nada. Basta assistir né?



Meu desejo é que a nossa igreja brasileira consiga acompanhar o nível... mas tá cada vez mais difícil... fica então o desejo de que um dia possamos ver isto acontecer. Até lá a gente canta esta música...

E na tradução do Catedral... "ainda não ví o que sempre quis..."

30 de junho de 2007

Itabuna! Belo lugar!


Estou finalizando minha quarta CBBa consecutiva. Tudo correu bem. Estou cansado! Minhas costas doem enquanto escrevo isto aqui! Daqui vou pra Serra Grande (sorte que é pertinho) descansar um pouco pra voltar pro batente semana que vem.

Mas vim escrever aqui mesmo foi sobre Itabuna. Gostei da maneira que eles estão escolhendo para transformar sua cidade em um lugar acolhedor. O rio é bem tratado e a cidade agora parece crescer em sua direção. Depois vou postar mais fotos aqui da maravilha que está ficando Itabuna. Jequié tem que aprender algo com isto aqui gente!

24 de junho de 2007

84ª CBBa - Itabuna - BA

Hoje estou indo pra Itabuna... mais uma CBBa: a 84ª da Convenção Batista Baiana, a minha 4ª consecutiva como prestador de serviços para eles. A primeira foi em Jequié em 2004, a segunda foi em Itapetinga em 2005, a terceira foi em Paulo Afonso em 2006 e esta agora será em Itabuna.

Muita expectativa! Espero que tudo dê certo! Fui!

23 de junho de 2007

Novo ciclo!

Desde minhas últimas postagens, muita coisa tem mudado... parei pra ver pra onde estava indo e ví que o caminho correto estava longe... agora estou tentando voltar pro rumo certo! Não é fácil! As escolhas que fazemos todas tem preço. Nada sai barato neste mercado das escolhas da vida! Tudo tem seu pró e seu contra.

Cabe a nós tomarmos as decisões que tenham um custo-benefício em várias dimensões. Não só com relação a mim mas com relação aos que nos cercam! Não é fácil achar este caminho-meio-termo. Qualquer decisão atinge direta ou indiretamente um bom número de pessoas que estão envolvidos de alguma forma com estas malhas de relacionamentos que criamos em nosso cotidiano.

Erra quem pensa que basta tomar a decisão e pronto! Os outros que se adaptem! Tentei pensar assim e agora vejo que a coisa é bem diferente... Não pensem que eu entendo o que escrevo mais do que vocês... ao sintetizar isto aqui em palavras eu também estou aprendendo, fazendo uma nota aqui pra que eu mesmo possa ler isto no futuro. Como um marco de um novo ciclo que se inicia...

22 de junho de 2007

Paraibanos arretados!

Vejam esta matéria!

Os crentes paraibanos estão colocando a boca no trombone e protestando. E estão certos por protestar. Todos nós cristãos de todo Brasil deviamos nos unir a eles. Não é homofobia. O protesto é pelo direito de livre expressão que está sendo tolido de maneira legal. Uma lei que fere a própria constituição que nos confere esta liberdade.

Só não concordo com a violência. Crentes paraibanos! Não fomentem o ódio! Eu acho inclusive que os próprios gays deveriam estar do lado de cá protestando junto com os evangélicos. Algo que agora parece que os beneficia pode no futuro os prejudicar! É pra se pensar!

O que está sendo votado no congresso é um grave precedente para que se forme no Brasil uma espécie de "ditadura anti-homofóbica". Onde ninguém poderá falar o que pensa sobre este assunto. Ser contra, a favor ou indiferente ao homossexualismo deve ser uma opção de cada um e não uma imposição do governo. E depois que eles conseguirem isto o que vão querer? Que a igreja evangélica seja obrigada a aceitá-los com membros?

Imagine o sujeito ser preso porque falou mal do "viado" que é vizinho dele numa mesa de bar. Ou tadinho do Ary Toledo que vai ter que apagar do seu acervo as zilhões de piadas de bichinha. Tem algo aí que não tá certo!

21 de junho de 2007

M

Mundo moderno, marco malévolo, mesclando mentiras, modificando maneiras, mascarando maracutáias, majestoso manicômio.

Meu monólogo, mostra mentiras, mazelas, misérias, massacres, miscigenação, morticínio maior, maldade mundial.

Madrugada... matuto magro, macrocéfalo, mastiga média morna, monta matumbo malhado, munindo machado, martelo... mochila mucha, margeia mata maior. Manhãzinha move moinho moendo macaxeira (mandioca). Meio-dia mata marreco... manjar melhorzinho. Meia-noite mima mulherzinha mimosa - Maria - morena, momento maravilha, motivação mútua mas monocórdia mesmice.

Muitos migram mascilentos, maltrapilhos, morarão modestamente: malocas metropolitanas; mocambos miseráveis, menos moral, menos mantimentos, mais menosprezo. Metade morre... mundo maligno, misturando mendigos maltratados... menores metralhados, militares mandões, meretrizes marafonas, mocinhas, mera meninas... mariposas, mortificando-se moralmente, modestas moças maculadas, mercenárias mulheres marcadas... mundo medíocre.

Milionários montam mansões magníficas, melhor mármore, mobília mirabolante, máxima megalomania: mordomo, Mercedes, motorista. Mãos magnatas manobrando milhões... mas maioria morre minguando. Moradia meia-água... menos... marquise. Mundo maluco, máquina mortífera!

Mundo moderno melhore, melhore mais, melhore muito, melhore mesmo. Merecemos... maldito mundo moderno, mundinho merda.

Chico Anysio
Só o nosso Português permite isso! Tive a felicidade de vê-lo declamar isto no Jô já faz tempo. Fiquei impressionado... e aquilo nunca saiu da minha cabeça... hoje achei isto no YouTube... se quiser ver clique aqui! Vale a pena parar um minutinho...

O que eu quero mesmo? Parte 3

É não ser:
  • Enrolado
  • Descuidado
  • Desorganizado
  • Endividado
  • Triste
  • Burro
  • Frustrado
  • Inútil
  • Imaturo
  • Inconsequente
  • Boêmio
  • Soturno
  • Perdido
  • Descontrolado
  • Distante
  • Irritado
  • Irritante
  • Arrependido
  • Fraco
  • Esquecer
  • Improdutivo
  • Dissoluto
  • Mau
  • Perder
  • Acomodado
  • Frio
  • Falhar

Preciso admitir que tenho sido um pouco de cada ítem... sobretudo ultimamente... Será ruim uma pessoa admitir? Só sei que isto tudo somado a um cara que está gordo e cabeludo dá um resultado muito ruim! Eu sei o que tenho sido ultimamente! Eu parei pra refletir sobre o que sou... e não gostei nada do reflexo que ví... nem no espelho da alma nem no espelho do banheiro... ultimamente eu tenho estado tão longe do título deste blog - Tempus Fugit Carpe Diem - que mal me percebo vivo...

20 de junho de 2007

O que eu quero mesmo? Parte 2

É preciso

Ah! eu preciso rever minha vida
Medir os meus passos
Estender os meus braços às pessoas sofridas
Ah! eu preciso olhar para dentro, ouvir bem atento
A voz doce e forte, parceira e consorte
Na vida e na morte
Que fala em mim
Ah! Eu preciso ser manso e amigo
Ser rocha e abrigo
Pra quem quer comigo na vida viver
Ah! Eu preciso ter olhos abertos, motivos bem certos
Pra nunca enganar
Essa gente esgotada de tanto chorar
Ah! Eu preciso ter coragem de ser
Ter vida e poder
Ter amor pra atender
Esta gente perdida
Por quem Deus quis morrer.

Cáio Fábio

Andy Mckee

O Carreira Solo achou e passou pra galera. Eu peguei pra assistir e quase não acreditei em como esse cara toca bem violão... impressionante! Mas só vendo pra entender:

Heitor chegou!

Nesta última segunda (18) meu amigo-irmão Adriano acabou de passar pela experiência de se tornar pai... agora está no rol de papais-babão no quall eu presumo me situar desde 2002... pois bem... parabéns cara! Você merece! Tudo de bom!!!


Quem quiser ver mais fotos do meu sobrinho clique aqui e visite o blog de Adriano e Carmen. Fora as fotos do bebê que acaba de nascer, também recomendo o blog. É excelente!

19 de junho de 2007

O que eu quero mesmo?

O que eu quero mesmo
é ter rumo, ter direção.
Poder analizar o caminho
e saber que rumo tomar.

O que eu quero mesmo
é ter fé, ter prumo.
Ver que nem sempre
as coisas são assim.

O que eu quero mesmo
é ser forte, maduro.
Viver plenamente
sem o peso da dúvida.

O que eu quero mesmo
é ser pleno, completo.
Endender completamente
o próximo passo.

O que eu quero mesmo
É saber o que eu quero!

Joe Edman

18 de junho de 2007

Livre para Olhar

Livre para olhar

Quando aquele olhar
Que te fisgou
Deixa de te refletir
Pára de te inibir
É tempo de solidão
De deixar pelo corrimão
Ás rédeas do coração
Que um olhar até então
Direcionou.

Quando aqueles olhos
Que te penetraram
Até o profundo do teu existir
Tornando cinzas em fogos,
Que lhe derreteram
Todo o teu desinibir;

Quando esta visão
Vira desilusão
É o inverno que se aproxima
Tempo de se recolher
Coisa de se guardar
E se conhecer
Reaprender a ver as próprias cores,
Sentir graça nas próprias dores,
Quebrar as amarras e voar
A liberdade dói
A solidão corrói
E o amor convém
Como outra estação
Com certeza é a que vem.

Edman Izipetto

15 de junho de 2007

O Presente

Mãe é mãe e pronto. É única. Insubstituível. E quem ainda tem mãe que cuide bem dela. Hoje é aniversário de minha mãe e de minha irmã. Mas queria pedir licença a minha irmã para fazer aqui uma homenagem a minha mãe:

Uma poesia muito linda de Alberto da Cunha Melo que não fala de mãe, mas fala do presente que é para cada pessoa a própria passagem do tempo. O que para algumas pessoas é ruim ele transforma em um presente. E quem souber saborear o que cada idade oferece de bom vive bem melhor. E é o que eu desejo para Dona Benilde minha mãe:

Que você saiba aproveitar (como eu acho que tem sabido) cada fase de sua vida. Que compreenda e viva intensamente o "tempus fugit carpe diem" (o tempo voa aproveite cada dia) que enfatizo tanto aqui no blog.

Sei que as vezes você não nos entendemos bem mas este conflito entre gerações não é mais novidade e sabemos que havendo respeito - como tem havido - sempre nos sairemos bem. Porque o amor do Pai é o óleo que lubrifica as engrenagens de nossa convivência diária. E falando no Pai... que Ele te abençoe muito viu? Te amo!

O Presente

O que hoje recebes
e não podes pegar, guardar
em panos e papéis laminados,
é imperecível,
presente onipotente.
Estás com ele na chuva
e não temes que se desfaça.
Estás com ele na multidão
e não o escondes dos mutilados.
O que não existe para os homens
deles estará protegido,
O que os homens não vêem
não poderão espedaçar.
Eis o que não te denuncia
porque não tem face
nem volume para ser jogado ao mar.
Eis o que é jovem a cada lembrança
porque não tem data
e série, para envelhecer.
O que hoje recebes
não pode ser devolvido.

Alberto da Cunha Melo


Na foto? As três gerações de minha família (seriam 4 se minha avó tivesse por aqui no dia da foto... ainda vou tirar uma com as quatro juntas): Minha mãe, minha irmã (ambas aniversariando hoje) e minha filha Giullia. Amo essa foto!

Parabéns pra você minha mãe! Pra você também viu, Nane?!

14 de junho de 2007

Como é a sua área de trabalho?

neste blog um meme sobre áreas de trabalho. Vários blogueiros abrindo mão da sua privacidade e mostrando um screenshot do seu desktop. Achei o meme legal e então decidi fazer o mesmo. Aí está!


Uso 2 monitores LCD de 17 em dual view e por isso minha tela fica assim tão comprida. Minha resolução é de 2560 x 1024. Não gosto de ter uma porção de ícones no desktop. Prefiro usar o menu Iniciar porque foi pra isso que ele foi feito. Se eu uso muito um aplicativo ele acaba aparecendo na lista dos programas mais recentes e então fica tudo uma beleza.

Sempre utilizo papeis de parede feitos em 3D. Já virou um hábito. Este aí são neurônios. Gosto muito da cor.

13 de junho de 2007

Salmos 10:1

POR que estás ao longe, SENHOR? Por que te escondes nos tempos de angústia?
Salmos 10:11

12 de junho de 2007

O Arrependimento de Deus (sobre Genesis de 6 a 10)

Logo em Genesis 6:2 tem algo que me deixou intrigado. O que será que o autor quer dizer com Filhos de Deus e filhos dos homens? Qual seria a diferença? Seriam anjos ou o que? é um belo mistério... ou não? Genesis 6:4 fala de gigantes e que os filhos oriundos do cruzamento entre os Filhos de Deus e as filhas dos homens geraram homens muito valentes e de fama. Alguém sabe de alguma explicação?

Em Genesis 6:3, Deus - para não piorar Seu humor, porque não queria ficar brigando com o homem - reduz a idade dos homens para 120 anos. Me parece que mais pra frente ele reduz ainda mais, visto que encontrar um homem de 120 anos hoje é raríssimo.

Mas nem adiantava diminuir a idade. O estrago estava feito. O homem rapidamente se corrompeu e a terra virou um puteiro em todos os sentidos literais e/ou pejorativos ou não desta palavra. Tanto que Deus diz claramente em Genesis 6:6-7 que se arrependeu! E queria dar um basta! Se não fosse por Noé...

Noé encontrou graça aos olhos de Deus. Mas nem Noé O fez mudar de idéia. Deus estava mesmo decidido a destruir toda aquela geração de homens maus. Mas... Ele fez um plano de contigência... um backup... só por causa de Noé. A Arca. A partir de Genesis 6:6, passando por Genesis 7 até Genesis 8 a história do dilúvio é contada. Acho até que todo mundo já conhece e por isso nem vou repetí-la aqui.

Em Genesis 9 é mostrado o período pós-dilúvio-imediato. Ali acontecem as primeiras acomodações de Noé e sua família. E por fim em Genesis 10 é mostrado mais ou menos o que houve nas primeiras gerações e como foram as origens bem básicas dos povos da terra. Tudo isso é ainda no período antes da Torre de Babel.

11 de junho de 2007

As Virtudes do Conflito

O conflito é minha matéria,
minha carne.
Minha síntese é a escuridão.
Que pude escolher
de menos terrível
em mim
para meus semelhantes?
Viver foi a minha escolha.
Mas, por esta noite eu não esperava:
tão densa
que os próprios radares
não conseguem varar.
Anoiteceu muito, meu Deus,
anoiteceu demais.

Alberto da Cunha Melo


Há uma apresentação deste poeta neste blog!

10 de junho de 2007

Agora eu fiquei com medo!

Fiquei com tanto medo que nem vou dormir hoje a noite!

Falando sério! Preciso parar de não dormir a noite!

8 de junho de 2007

Deus disse: "Façamos!" (sobre Genesis de 1 a 5)

Começei a ler a Bíblia e já nos primeiros 5 capítulos achei meus primeiros destaques que gostaria de comentar por aqui. Acho que comentando de 5 em 5 capítulos eu vou ter material suficiente pra escrever bons artigos. Vamos lá!

Logo em Gênesis 1:26 achei algo que sempre me intrigou: porque Deus disse "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança;"? Já ouvi falar que é porque Deus é Triúno, ou seja, Deus são três e os três é um. Assim mesmo, escrito de propósito no singular: o Pai, o Filho e o Espírito Santo... Isso se repete também um pouco mais pra frente em Gênesis 3: 22 onde Deus diz que "Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal;".

Mas porque Ele nos fez à Sua imagem? Acho que aqui está um dos grandes mistérios de Deus que ainda não foi totalmente entendido por nós seres humanos e apenas a Sua criação. Acho que de Deus só herdamos mesmo a semelhança...

Um pouco mais pra frente em Gênesis 3:8 tem outra passagem muito interessante que nunca havia me despertado nenhum interesse até ouvir uma música do Gerson Borges da cantata "A Volta do Filho Pródigo" que é baseada em um livro homônimo de Henry Nowen que fala um pouco disto:

Pra quem não ouviu o CD do Gerson e nem leu o livro do Henry, deixe-me explicar: neste versículo fala que Deus "passeava no jardim pela viração do dia", ou seja, todo fim de tarde Deus descia e vinha conversar com o homem. E quando este pecou. Isto acabou. E o ser humano sente até hoje a falta deste contato íntimo com Deus. E que é por isso que o fim de tarde é tão melancólico e triste apesar do pôr do sol ser tão belo. O homem sente falta da intimidade que tinha com O Criador. Isso é lindo e trágico ao mesmo tempo...

Uma outra passagem que me enche de curiosidade é Gênesis 3:14 quando Deus amaldiçoa a Serpente e diz: "sobre o teu ventre andarás, e pó comerás todos os dias da tua vida". Será que até neste momento a serpente ainda tinha pernas? E só depois da trágica empreitada dela contra o ser humano é que Deus a deixou como é hoje? Dia destes estava vendo um documentário na TV onde um biólogo mostrava que uma espécie de cobra ainda tinha pequeninas patas traseiras e as mostra, muito pequenas mesmo... é só uma curiosidade!

Outra grande questão que sempre me intrigou em Gênesis é o tempo de vida deles. Aqui em Gênesis 5:5 diz que Adão viveu 930 anos. O recorde é de Matusalém, com 969 anos (Gênesis 5:27). Isso sem contar Enoque, que - tecnicamente - ainda está vivo (Gênesis 5:24).

Então é isso! Vamos frente que a Bíblia é enorme!

7 de junho de 2007

Valeu ter Vivido? (O Tempo 7)

Valeu Ter Vivido?

Um beijo demonstra o amor,
Uma grande amizade, ou uma traição
E um canto derrama a dor
Extravasa a alegria, ou declara a paixão.
Tem fogo que gera calor,
Espalha a luz ou a destruição.
Na terra que às vezes sepulta
É que brotam as flores e colhe-se o pão.

Tem flores que são testemunhas
Do início da vida ou, às vezes, do fim;
Algumas do primeiro beijo ou de um grande ensejo;
Outras ouviram o "sim".
Com pedras se fazem alicerces,
Castelos, igrejas e coisas assim,
Ou lápides tão solitárias
Que vivem dizendo: se lembrem de mim!

Madeira se deixa moldar
Pelas mãos e a vontade de um carpinteiro,
Mas houve um que escolheu
E, numa cruz, se entregou pelo mundo inteiro;
E, como o horizonte, uniu
Terra e céus numa ponte de amor verdadeiro;
E, para chegarmos ao Pai,
Basta darmos um passo: ele deu o primeiro!

A vida que temos nas mãos
Ele quer transformar, dar um novo sentido;
Fazer renascer a esperança,
O brilho no olhar e o amor esquecido
A gente é que tem que escolher:
Se segura sua mão ou se anda perdido,
Pra, quando chegar ao final,
Ter certeza ao dizer que valeu ter vivido!

Aristeu Pires Jr.




Esta milonga é maravilhosa! No vídeo acima, feito no lançamento do disco "Entrosando o Time" de Atletas de Cristo , no Canecão (RJ), em janeiro de 1990. Aristeu Pires Jr. no violão e voz, com participação especial do Quico Fagundes no violão e também na voz. Isso é lindo!
Os comentários aqui postados podem ser citados desde que se mencione junto o autor - no caso eu - e se coloque junto um link para este site ou o permalink para a página de postagem correspondente.