15 de janeiro de 2005

Lembrar

É...
O dia já se vai
Sumindo mais além
E as águas dos moinhos

Nunca voltarão.

Vai...
E o pensamento vem
lembrar do que passou,
Do que ficou pra traz
E as marcas que deixou...

Lembrar que a luz do sol brilhou,
O dia sempre raiou
E as noites de escuridão
Não foram tão assim.
Lembrar que a angustiante dor
Hoje não é mais,
O medo nunca mais,
O escuro dissipou
E claro o dia já raiou.

Lembrar que o Salvador deixou
Promessa de voltar
E as nuvens no caminho
A aurora veio dissipar.
Saber que a fé não foi em vão,
A esperança é real
No brilho em Seu olhar,
Promessa de voltar
E o novo dia enfim raiar.


Adriano Estevam e Joe Edman

Nenhum comentário:

Os comentários aqui postados podem ser citados desde que se mencione junto o autor - no caso eu - e se coloque junto um link para este site ou o permalink para a página de postagem correspondente.