25 de dezembro de 2007

É tempo (O Tempo 14)

É tempo de paz
De Luz para os homens
É dia pão na mesa
Dia de iguais
Agraciados na fé
Em quem veio por nós
É tempo de gradidão
Ao Amor Incondicional
Que nos devolveu à Vida
É dia de reconciliar
Sem medos, sem mágoas
É tempo de alegria
Renovação e amor
É dia de celebrar
A vida enquanto
É tempo

Um comentário:

Ieda Sampaio disse...

"É tempo de viver Jesus, de renunciar... deixando tudo no altar..."
Se 'alembra'?

Os comentários aqui postados podem ser citados desde que se mencione junto o autor - no caso eu - e se coloque junto um link para este site ou o permalink para a página de postagem correspondente.